Vídeo - ► "Não dou dinheiro para Nordstrom" & Depois de boicote, marca de roupas da filha de Trump é retirada de lojas

Clique aqui para comentar esta publicação







 Nota: A NORDSTROM é uma das mais sofisticadas e badaladas redes de lojas de departamento dos Estados Unidos. 
video



Não dou dinheiro para Nordstrom
Não dou dinheiro para Nordstrom
Porque eles cederam à pressão
Não dou dinheiro para Nordstrom
O que vamos fazer?
Boicotando

... decidiram despejar Ivanka

Decidimos que compraremos em lojas que oferecem Ivanka
< Inaudível >

Estamos aqui para fechar nossas contas para que saibam que nós somos compradores a vista e nós não faremos mais compras com vocês.

Indo para a Dillard’s para comprar todos os tipos de coisas.

Sim, eu na verdade sou uma ex-funcionária de vários anos e tenho comprado com Nordstrom por 30 anos e por causa de sua decisão de remover as roupas Ivanka, eu não vou mais fazer compras em sua loja, nem meu marido, nem meus filhos ou meus 8 netos.

No money for Nordstrom
No money for Nordstrom
Because they caved
No money for Nordstrom
What do we doing
Boycotting
...they decided to dump Ivanka
We decided that we will shop on Ivanka shops
What <inaudible>
We are out here to close our accounts
… to let you know we are cash shoppers we will no longer be shopping with it
Going to Dillard’s
Heading to Dillard’s to buy all kinds of stuff
Yes, I do, I was actually a former employee for a number of years and have been shopping with Nordstrom for 30 years and because of your decision to drop Ivanka clothes, I will no longer shop at your store, nor will my husband, or my children or my 8 grandchildren.






Depois de boicote, marca de roupas da filha de Trump é retirada de lojas

Boicote e prejuízo levou cadeia de lojas de departamento de luxo parar de comercializar marca da filha de Donald Trump
Donald Trump e sua filha, Ivanka Trump (Foto: Andrew H. Walker/Getty Images)
A Nordstrom, cadeia de lojas de departamento de luxo, decidiu parar de comercializar a marca criada por Ivanka Trump, filha do presidente dos Estados Unidos Donald Trump, segundo a Business Insider. A companhia afirmou que a decisão foi tomada graças ao baixo número de vendas da marca, mas a história é um pouco mais complicada do que isso.
“Todo ano, nós cortamos cerca de 10% das marcas comercializadas e trocamos nosso estoque com a mesma quantidade”, disse um dos representantes da Nordstrom para o veículo. E, até aí, nada de novo sob o Sol. O problema é que essa queda de vendas foi causada por um boicote contra marcas que vendam produtos de Trump.

A marca é especializada em roupas femininas, sapatos e bolsas de mão. O boicote foi liderado por Shannon Coulter, que passou os últimos dois meses catalogando a frequência de vendas. Na primeira semana de dezembro, 71 produtos de Ivanka Trump estavam disponíveis na Nordstrom – enquanto, na última semana, o número caiu para 26. Na última quarta-feira (1), apenas nove produtos estavam disponíveis.

Em novembro, depois de receber uma chuva de críticas, a Nordstrom havia se pronunciado, dizendo que não poderia deixar se influenciar por política na hora de vender os produtos – mas nada como o dinheiro para fazer empresas mudarem de ideia, não é?

Extraído de: http://gq.globo.com/Prazeres/Poder/noticia/2017/02/nordstrom-cessa-vendas-da-marca-de-ivanka-trump-depois-de-boicote-entenda.html

Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário