Navio cargueiro que está registrado na Bolívia. Mas como!? A Bolívia não tem mar! ► VÍDEO: Carregamento de armas escondido entre a ajuda aos refugiados ► Veja também: ISIS diz que milhares de guerrilheiros já estão na Europa, disfarçados de refugiados, aguardando o sinal.

Clique aqui para comentar esta publicação


Veja o nome do navio cargueiro que, aliás, está registrado na Bolívia. Mas como!? A Bolívia não tem mar!





Nota -  LEMBRETE: Atualizado em 25/04/2014 

25/04/2014 


Chile exclui chance de entregar saída ao mar à Bolívia



Stan Honda/AFP
O presidente da Bolívia, Evo Morales
O presidente da Bolívia, Evo Morales: a Bolívia demandou o Chile em Haia com o objetivo de recuperar o litoral marítimo com soberania
Da AFP
Santiago - O chanceler do Chile, Heraldo Muñoz, afirmou que a possibilidade de que o Chile entregue uma saída ao mar à Bolívia com soberania, uma demanda histórica que o governo boliviano transferiu ao tribunal de Haia, está encerrada para sempre.
"A Bolívia está pedindo (ao Tribunal Internacional de Justiça) que obrigue o Chile a negociar um acesso marítimo soberano com resultado certo, ou seja, com cessão de território", declarou em uma entrevista à CNN Chile o chanceler chileno. "E nós temos argumentos muito bons para ir contra isso", acrescentou.
À pergunta sobre se a porta para entregar soberania à Bolívia em uma saída ao mar está fechada para sempre ou apenas por enquanto, o chanceler garantiu que "está fechada para sempre".
ADVERTISEMENT
"Talvez nunca se deva dizer nunca, mas a posição do Chile hoje, e foi assim por muito tempo, é que a Bolívia não tem direitos (à saída soberana ao mar) e, portanto, uma demanda como a levantada (em Haia) é absolutamente improcedente", disse Muñoz.
O chanceler enfatizou que na demanda boliviana ao TIJ "o Chile não está arriscando a cessão do território, não há disputa limítrofe", mas um pedido para obrigar o Chile a negociar.
A Bolívia demandou o Chile em Haia com o objetivo de recuperar o litoral marítimo com soberania, perdido em uma guerra travada pelos dois países no fim do século XIX, e que levou as duas nações a romperem suas relações diplomáticas em 1978.
Santiago rejeita a demanda boliviana argumentando que um tratado bilateral assinado em 1904 resolveu o conflito.
Apesar do processo judicial, Muñoz afirmou que, com a Bolívia, "é preciso continuar buscando graus de cooperação independentemente desta demanda".

Extraído de: http://exame.abril.com.br/mundo/noticias/chile-exclui-chance-de-entregar-saida-ao-mar-a-bolivia


VÍDEO: Carregamento de armas escondido entre a ajuda aos refugiados

A Guarda Costeira e a alfândega grega interceptaram um container de ajuda para "refugiados" (que são quase todos do sexo masculino e em idade de combate) que estava cheio de armas e munição.

Parece que isto só foi relatado no noticiário grego local e não foi coberto em qualquer outro lugar. Hmm, eu me pergunto por quê.

Como o container, carregado no navio cargueiro Haddad 1, uma embarcação registrada na Bolívia, chegou a Heraklion, em Creta, uma das maiores ilhas da Grécia, uma ilha resort muito popular para banhos de sol de turistas, e casa atualmente temporária para numerosos refugiados e migrantes, a alfândega inspecionou a carga.



Obs.: vídeo publicado em 09.09.2015.

Container cheio para ajudar muçulmanos "refugiados" chegou na Grécia e o que o que havia lá dentro? Estava cheio de arma. Por que então a mídia não relatou sobre isso?




Veja também: ISIS diz que milhares de guerrilheiros já estão na Europa, disfarçados de refugiados, aguardando o sinal.

''Só espere''

“Espere e verá”: O Estado Islâmico (ISIS) diz ter infiltrado 1.000 jihadistas na Europa.

 


Exatamente como ameaçaram que fariam. As autoridades não devem descartar essa afirmação com desdém. Afinal de contas, os funcionários Europeus não estão fazendo absolutamente nada para determinar se há jihadistas entre os refugiados.

“Espere e verá… “O Estado Islâmico (ISIS) revelou que infiltrou MILHARES de extremistas na Europa,” por Aaron Brown, Express, 6 de Setembro de 2015.

Um agente trabalhando para o Estado Islâmico (ISIS) revelou que o grupo terrorista infiltrou com sucesso milhares de jihadistas disfarçados na Europa.

O agente Sírio afirmou que mais de 4.000 homens do ISIS, disfarçados e armados, foram infiltrados em nações Ocidentais — escondidos entre os inocentes refugiados.

O contrabandista do ISIS, que está na casa dos 30 anos, com barba cor de azeviche aparada, revelou que a operação clandestina em curso é um sucesso completo.
“Espere e verá,” ele sorriu.

O agente do ISIS falou com exclusividade ao BuzzFeed na condição de anonimato e acredita-se ser o primeiro a confirmar planos para infiltrar em países Ocidentais.

Revelou que há informações de que o Estado Islâmico (ISIS), também conhecido como IS, está infiltrando atiradores de elite, ativamente através da fronteira Turca, que é escassamente guardada (565 milhas) e sobre as ricas nações da Europa, revelou.

O agente disse que a infiltração disfarçada (a paisana), foi o inicio de uma trama maior para realizar ataques vingativos ao Ocidente em retaliação aos ataques aéreos da coalizão liderada pelos Estados Unidos.

“Se alguém me ataca”, disse ele, “então com certeza vou atacá-los de volta.”
Extremistas do Estado Islâmico (ISIS) estão tirando vantagem da generosidade das nações desenvolvidas, com relação aos refugiados, para se infiltrarem na Europa, disse ele.
Os atiradores de elite do ISIS usam contrabandistas locais para se misturarem e viajarem entre a enorme maré de migrantes ilegais que inundam a Europa.

Mais de 1,5 milhões de refugiados fugiram para a Turquia, desacompanhados e desesperados para escapar do derramamento de sangue na Síria.

Das cidades portuárias Turcas como Izmir e Mersin, milhares de refugiados aventuram através do Mediterrâneo com vistas à Itália, disse ele.

Em seguida, a maioria se dirige para as nações mais acolhedoras como a Suécia e a Alemanha, indo diretamente às autoridades para pedir asilo.

“Eles estão indo como refugiados”, afirmou o agente.

Dois refugiados-contrabandistas Turcos apoiaram as revelações feitas pelo agente Sírio do ISIS.
Um deles admitiu ter ajudado mais de 10 rebeldes treinados do ISIS para os infiltrar na Europa sob o pretexto de requerente de asilo.

Ele disse: “Eu estou enviando alguns guerreiros que querem ir para visitar suas famílias.”
“Outros apenas vão para a Europa para ficarem preparados.”

O agente Sírio, um ex-membro das forças de segurança de sua nação, disse que o ISIS têm planos ambiciosos para o futuro.




“É o nosso sonho, 
que deva ter um califado não apenas na Síria, 
mas em todo mundo.”

Tradução: Sebastian Cazeiro
Extraído de: https://tiaocazeiro.wordpress.com/2015/09/07/5228/


Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário