Relatório do Comando Central das Unidades de Ação Direta estabelecidas pelo Tribunal de Justiça de Direito Comum Internacional em 1º de junho de 2014 - 08.08.2014 - ITCCS

Clique aqui para comentar esta publicação



Relatório do Comando Central das Unidades de Ação Direta (CC-UAD) estabelecidas pelo Tribunal de Justiça de Direito Comum Internacional em 1º de junho de 2014

Postado em 08 de agosto de 2014

Referente à interdição do tráfico de crianças e rituais de sacrifício pelo nosso Comando

Comunicado No. 1 - 08 de agosto de 2014, Bruxelas


Desde meados de julho, o nosso Comando Central tem realizado vigilância de alto grau e operações de inteligência contra duas redes de tortura de crianças associadas ao culto católico do Nono Círculo, com sede em Dublin, na Irlanda, e em Montreal, no Canadá.

Desde 10 de julho, informantes forneceram os nomes dos participantes nos rituais que foram originalmente programados para 15 de agosto. O mesmo ritual de tortura e de assassinatos também ocorre sistematicamente a cada mês na Lua Nova, nestas e em outras localidades, incluindo bosques de florestas perto de Bruxelas, na Bélgica, e de Zwolle, na Holanda. Os informantes também confirmaram a localização dos assassinatos de 15 de agosto sendo na Pro-Catedral, em Dublin, e na Catedral Maria Rainha do Mundo, em Montreal, dentro de criptas do subsolo em ambas as igrejas.

Os mesmos informantes também confirmaram que as crianças e os adolescentes usados ​​nestes rituais são fornecidos através de orfanatos católicos nas duas respectivas cidades e através do sindicato do crime Ndrangheta que trabalha em conjunto com agentes do Vaticano e da polícia no Canadá e na Irlanda.

O nosso Comando treinou e mobilizou as Unidades para intervirem e impedirem estes sacrifícios dos cultos programados para 15 de agosto. As Unidades têm profissionais armados, treinados.

Em 02 de agosto, um informante de alta patente notificou o nosso Comando de que o encontro do culto de Montreal foi transferido para uma instalação experimental subterrânea no campus da Universidade McGill. Esta transferência foi motivada pela presença de "alguns homens muito importantes" no próximo ritual de 15 de agosto, “incluindo (George) Soros, o Arcebispo católico local Christian Lepine e funcionários da empresa Cargill S.A.".

Não há qualquer evidência de que o encontro do culto de Dublin tenha sido mudado da Pro-Catedral local, sob a responsabilidade do Arcebispo Diarmuid Martin.

O nosso Comando continua com suas operações em todos esses locais suspeitos e antes 15 de agosto, para impedir estes rituais de sacrifício de crianças e deter todos os participantes para julgamento público, empregando a força que for necessária.

Apoiantes de nossas ações, não treinados, são aconselhados, para a sua própria segurança, a não intervir em nossas operações, mas a manter vigílias de informação pública fora dessas duas catedrais durante o dia e a noite de 15 de agosto, e a entrar em contato através do e-mail [email protected] para obter instruções específicas.

Emitido em 08 de agosto de 2014
Bruxelas

CC-UAD - Comunicado No. 1


******


***

Tradução e postagem: Portal dos Anjos e das Estrelas de Luz

******


Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário