NASA não consegue explicar misteriosas nuvens elétricas de cor azul sobre os polos da Terra

Clique aqui para comentar esta publicação


Todos os anos, mais ou menos nas proximidades de junho, surgem nuvens azuis e elétricas ao longo dos polos Norte e Sul.

Elas são chamadas de nuvens noctilucentes e só podem ser observadas em profundidade no crepúsculo, quando o Sol está abaixo do horizonte.


Segundo a NASA, a sua origem ainda é um grande mistério. “Várias teorias tentam associá-las a poeiras cósmicas, escape de foguetes, aquecimento global ou uma mistura das três”, afirma a Agência Espacial Norte Americana em um comunicado oficial.

Essas nuvens são extremamente altas, localizadas quase no limite entre a atmosfera terrestre e o espaço. São bastante difíceis de visualizar, mas elas aparecem como se fossem imensos tentáculos azuis e brancos, quando iluminadas pela luz solar.

O site da NASA informa que elas são como grandes “lâmpadas geofísicas”, atingindo intensidade máxima em um período que varia de 5 a 10 dias. A foto foi capturada por Brian Whittaker.

Extraído de: http://jornalciencia.com/universo/diversos/1781--nuvens-noctilucentes
Postado por Andrea Cortiano

Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário